quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Memória Externa.

 

A Espécie humana é a única a possuir uma memória externa!

Nós seres humanos somos únicos.

Únicos por vários motivos.memoria_externa_mycomputer

Nenhuma espécie deste planeta tem as magníficas qualidades, possibilidades e propostas que nós.

Somos dotados de inteligência, uma memória extraordinária, racionalidade, entendimento, consciência, auto percepção e percepção da própria morte.

Mas além de todos estes espetaculares predicados, temos um que não está dentro de nós, é feito ou construído artificialmente por nós, é artificial sim, mas não menos extraordinário: MEMÓRIA EXTERNA!

Sim, nós somos a única espécie dotada de memória externa, como um HD externo, como um pen-drive.

Nós temos a experiência de nossos antepassados que nos são transmitidas.

Temos pais, professores, temos os mais velhos e os mais experientes.

Nós temos a experiência dos sábios que podem ser transmitidos para nós.

Nenhuma outra espécie do planeta tem essa condição.

Um cachorro, um jacaré ou um João-de-Barro sempre farão as mesmas coisas; coisas que sabem fazer por instinto. Mesmo os pássaros eventualmente voarão independente de seus pais os ensinarem a voar ou não.

E a memória externa que eu mais apreciolivros e me encanta são:

LIVROS!

Nós temos livros!

Milhões deles!

Temos bibliotecas!

Milhares delas!

Temos nos livros gravados todas as experiências das pessoas, tanto do passado quanto do presente.

Todas as jornadas, os sentimentos, as dúvidas, as certezas; a fé e a covardia de milhões de seres humanos como nós estão guardadas nessa extraordinária e fabulosa memória externa que são os livros.

Muitos deles estão acessíveis pela internet.

Você pode ler, aprender, economizar tempo, encurtar caminhos e tomar atalhos.

Você não precisa inventar a roda! Já inventaram antes de você e anotaram em uma parede as instruções de como construir uma!atalho

Não tente inventar a roda novamente, aprenda com a experiência dos outros através desta memória externa a que todos nós temos acesso, sem pagar provedor, sem senha de acesso.

Usar essa fonte de conhecimento que beira ao infinito é como cair em um mar e quase ser sufocado por tudo que outros homens como nós já nadaram e sobreviveram para nos dar não um, mas muitos caminhos de pedras, muitas pontes, muitos atalhos.

8 comentários:

  1. OLÁ RESCATOR.

    VC PODERIA FAZER DESSE SEU MARAVILHOSO BLOG UMA FONTE INESGOTÁVEL DE CONHECIMENTO PARA MUITAS PESSOAS. PUBLIQUE MAIS, MAIS, MAIS E MAIS.

    ABS DO BETO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Beto!
      Muita gentileza sua.

      Excluir
  2. Ótima matéria vamos passar adiante Jorge, sairá na revista Calligraphic Coffee

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será uma honra para mim Glassmann!
      Sorte para a nova Revista e o novo projeto!
      PAZ!

      Excluir
  3. Oi Jorge,
    Paz

    Este é o blog!
    Se eu fosse você abriria seu email, logo após a leitura deste meu comentário, para saber o porque da minha exclamação.
    Jesus, para que não pereçamos.
    Albertro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alberto!
      PAZ!
      Obrigado, farei isso.
      Uma forte abraço!

      Excluir
  4. Esta também é a memoria externa que mais aprecio. Preciso dela em muitos momentos. Portanto, pensando em outros, também escrevo.
    Obrigada, Jorge, por me indicar este artigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela sua participação no blog O Rescator Morgana!

      Excluir

Escreva seu comentário no espaço abaixo.
Obrigado.